O que motiva a filiação ao PMI?

A gestão de projetos é uma dessas disciplinas do conhecimento capaz de promover o encontro de pessoas oriundas de diferentes segmentos de negócio em torno de um mesmo tema.

Em cursos, encontros ou congressos, presencial ou remotamente, esses grupos são formados por profissionais que atuam no mercado de Tecnologia da Informação, financeiro, na saúde, engenharia, exército, na academia, no esporte, nas indústrias automobilística e, até mesmo, aeroespacial - apenas para citar algumas entre tantas outras.

Mas o que tantos profissionais buscam ao se envolver com os conhecimentos e processos da Gestão de Projetos? O que os mobiliza nessa busca?

Ampliar o repertório de ferramentas e conteúdo através do PMBOK®, networking, refletir e ajustar o seu mindset, desenvolver softskills, integrar o voluntariado, incorporar práticas ágeis, acessar fontes de informação ou bibliografia de ponta?

Seja qual for a jornada de desenvolvimento pessoal e profissional de cada um, dos 5 aos 75 anos, o engajamento ao Project Management Institute (PMI), através dos seus capítulos locais, torna possível encontrar essas e outras tantas oportunidades.

Os benefícios são ainda mais potencializados quando da filiação ao PMI Global (comunidade internacional) e ao Capítulo Rio Grande do Sul (formado por profissionais da comunidade local de gerenciamento de projetos).

Eles estão relacionados nesta página do site do PMIRS, sendo de grande proveito, qualquer que seja o setor ou indústria onde o futuro filiado esteja inserido.

A lista é extensa, e uma análise criteriosa identificará rapidamente todo o valor que o PMI agrega àqueles que, apesar de atuarem nos mais diversos setores ou indústrias da moderna economia de projetos, mantêm contato com os temas descritos acima, sempre na busca do aperfeiçoamento contínuo e da implementação das melhores práticas já consagradas.

Artigo - Carlos Rubinstein

Data de publicação: 11 de setembro de 2020