RSS PMI-RS Notícias de PMI-RS Sun, 19 Jan 2020 16:37:07 -0300 Sun, 19 Jan 2020 16:37:07 -0300 Zend_Feed_Writer 1.12.21dev (http://framework.zend.com) https://pmirs.org.br/rss PMIRS abre inscrições para Prêmio Melhores do Ano 2020 Tue, 14 Jan 2020 15:17:16 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/479/?pmirs-abre-inscricoes-para-premio-melhores-do-ano-2020.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/479/?pmirs-abre-inscricoes-para-premio-melhores-do-ano-2020.html 1ª edição do Prêmio PMI-RS Melhores do Ano, o objetivo é promover ainda mais o reconhecimento dos profissionais e organizações que atuam na área de projetos no Estado do Rio Grande do Sul, valorizando a missão de disseminar as boas práticas na região. Há duas categorias: Projeto do Ano e PMO do Ano

Aproveite essa oportunidade e valorize seu Projeto ou PMO!

Acesse o site www.pmirs.org.br/melhoresdoano, saiba mais e inscreva-se!]]>
Curso Gestão de Projetos no Setor Público forma primeira turma Mon, 23 Dec 2019 17:12:16 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/478/?curso-gestao-de-projetos-no-setor-publico-forma-primeira-turma.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/478/?curso-gestao-de-projetos-no-setor-publico-forma-primeira-turma.html
A capacitação faz parte de uma trilha composta por cursos e seminários realizados ao longo de 2019 e que é objeto do termo de cooperação técnica assinado durante a cerimônia de encerramento. O objetivo da parceria é intensificar ações que contribuam para aumentar a adoção de boas práticas em gestão de projetos no Executivo.

O secretário de Governança e Gestão Estratégica, Claudio Gastal, destacou a importância da formação. “No setor público, muitas vezes fazemos mais o que é urgente, e não o que é importante. Esse curso representa o tempo de parar e pensar nos problemas dentro de um modelo mental diferenciado”, afirmou Gastal.

Para o diretor-geral do Escritório de Desenvolvimento de Projetos (EDP), Hiparcio Stoffel, que também é voluntário e diretor de Projetos Sociais do PMIRS, o pioneirismo desta primeira edição da capacitação se tornou ainda mais especial em razão da composição da turma. “Este é um grupo escolhido e indicado com muito cuidado dentre as dezenas de gestores dos projetos prioritários do Governo do Estado”, explicou Stoffel.

O presidente do PMIRS, Fernando Bartelle, que foi um dos instrutores do curso, qualificou a iniciativa como um processo de cocriação, que buscou intensamente abordar a gestão de projetos a partir das particularidades da atuação pública. “Os projetos na área pública têm impacto direto na sociedade. Se não fizermos algo para melhorar isso, estaremos errando”, disse Bartelle.

Além de Fernando Bartelle, os demais instrutores voluntários do curso foram:

Alex Rosa
Debora Selistre
Helen Klering
Jose Ignacio Jaeger Neto
Vinícius Piccini
Maurícius Medeiros



]]>
A relação entre gerenciamento de projetos e solidariedade Wed, 18 Dec 2019 13:46:44 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/477/?a-relacao-entre-gerenciamento-de-projetos-e-solidariedade.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/477/?a-relacao-entre-gerenciamento-de-projetos-e-solidariedade.html A união faz a força. Chavão? Não no PMI. Não no PMIRS. Como representantes de uma organização existente e atuante há 50 anos no mundo todo, por meio do trabalho voluntário, o Capítulo Rio Grande do Sul, através de seus voluntários, organizou um evento voltado ao compartilhamento de boas práticas que têm por fim um mundo melhor.

O evento Natal Solidário, que aconteceu na noite de 16 de dezembro, no Coworking do Global Tecnopuc, em Porto Alegre, reuniu pessoas para trocar ideias e conversar sobre temas alinhados ao bem estar social. E coletou, em troca do ingresso de cada participante, 1 kg de alimento. As doações serão entregues ao Cantinho da Vó Georgina, centro comunitário, localizado no bairro Glória, em Porto Alegre.

“O nosso compromisso como instituição é promover este tipo ação. O nosso ano foi muito desafiador, e nós agradecemos a equipe por proporcionar uma noite tão legal, com esta troca de conhecimento, e ainda ajudando”, destacou o presidente do PMIRS, Fernando Bartelle.

Bruna Lost Camacho, engenheira atuante em projetos de pesquisa e desenvolvimento para a indústria e empreendedora social para o acesso democrático à educação, palestrou sobre a desigualdade mundial. Para esta empreendedora social da Gedu (Gestão da Educação), que começou no mundo das startups, a distribuição das riquezas só poderia ser melhor feita com educação. A proposta da Gedu é possibilitar que os alunos que não tem acesso possam, através de um ambiente virtual de aprendizagem, alcançar uma alta performance.

“A gente consegue unir as pessoas através do esporte. Para quem passa fome, 1kg de alimento já é o suficiente para ajudar e todo mundo pode ajudar! A gente consegue trabalhar aspectos filosóficos com o que vai ser trabalhado no seu contexto. É a filosofia da prática”, compartilhou Luiz Bayard Martins dos Santos, Diretor Técnico da Federação Gaúcha de Judô e responsável pelo Projeto Social da Associação Fênix de Judô.

O tema “Alteridade estratégica: inovação a partir do olhar inclusivo”, proporcionou um especial encerramento para o evento. O palestrante foi Filipe Roloff, que trabalha há 7 anos da SAP com Gestão de Sucesso de Clientes, e foi eleito duas vezes um dos 50 líderes globais LGBT do futuro (pelo Financial Times, Outstanding List, 2017 e 2018), além de ter sido o ganhador do Brazil Excellence Award 2018, da maior ONG de diversidade do mundo, Out & Equal Advocates.

Filipe fez uma reflexão sobre o que são os privilégios e, consequentemente, a inclusão social. “Para pertencer a um grupo, algumas empresas obrigam a omitir quem a pessoa realmente é. Em outras, a diversidade não é um problema, mas é uma solução, permitindo um ambiente seguro para se trabalhar”. Ele deixou algumas lições e reflexões sobre as razões da diversidade gerar a inovação:

  1. Os ambientes organizacionais precisam permitir a diversidade;
  2. A estrutura social influencia na nossa cultura e isso deve ser trabalhado para mudar;
  3. O pensamento bilateral, entre o que é certo e o que é errado, nos prejudica em não levar todos na mesma direção;
  4. A coisa mais importante é se mover através do afeto;
  5. Buscar conhecer mais as pessoas, isso é alteridade e é muito maior do que a empatia.
]]>
Gestão, saúde e segurança foram áreas abordadas no PMDay Setor Público Wed, 18 Dec 2019 13:34:39 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/476/?gestao-saude-e-seguranca-foram-areas-abordadas-no-pmday-setor-publico.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/476/?gestao-saude-e-seguranca-foram-areas-abordadas-no-pmday-setor-publico.html Uma grade diversa de palestras foi montada a fim de compartilhar boas práticas de gerenciamento de projetos no setor público durante o PMDay Setor Público. Como destacou o presidente do PMIRS, Fernando Bartelle, durante a abertura do evento, iniciativas como esta demonstram o quanto uma gestão eficaz, independentemente do nível e da complexidade dos projetos, deve ser perseguida em qualquer instância. Participaram da abertura o Dr. Sérgio Harris, Subprocurador-Geral de Justiça de Gestão Estratégica, e o Secretário de Gestão e Governança Estratégica do Estado, Claudio Gastal.

Com o objetivo de falar sobre “Inovação e gestão em tempos de crise”, a Prefeita de Pelotas, Paula Mascarenhas, compartilhou as iniciativas do município. Entre elas o Programa de Gestão Estratégica (Proges), que é usado desde 2013. A adoção de uma ferramenta de acompanhamento de projetos é parte disso, que, em 2018, foi estendido aos cidadãos, que passaram a ter acesso por meio do Portal da Transparência.  Na visão da prefeita, esta iniciativa contribui para a melhoria da relação ente público e cidadão, e a adoção e evolução do Proges colaborou para a qualidade das entregas de forma geral. 

A partir do título "Um Novo Jeito de Atuar”, o CEO do Transforma RS, Ronald Krummenauer, contou sobre a atuação inicial da organização que surge a partir do trabalho conjunto de três outras instituições: o Programa Gaúcho de Qualidade e Produtividade (PGQP), a Agência Polo RS e a Agenda 2020. Segundo ele, a iniciativa, entendida como um hub colaborativo, responde a um novo contexto global e nacional e, relacionado ao último, especificamente, a uma agenda que vem sendo lapidada há alguns anos. Nesse sentido, enfatizou que um dos objetivos maiores do Transforma RS é conectar a sociedade.

Para atuar dessa forma, o Transforma RS parte de alguns diagnósticos e indicadores do Rio Grande do Sul (os quais estão detalhados na apresentação disponibilizada para download nesta página). E contempla três eixos de atuação: o que chamou de dia a dia, de questões estruturantes e Futuro.

Do ponto de vista dos projetos que o Transforma RS está se propondo, Krummenauer sinalizou duas grandes linhas de atuação. E detalhou uma delas, por meio de parcerias com o poder público. Com os municípios deve ocorrer a partir do ano que vem, visando as eleições municipais. E no caso do Estado do Rio Grande do Sul, há um protocolo de intenções assinado, a partir de alguns eixos de atuação: ajudar o Estado no desenvolvimento dos seus projetos; retomar parcerias com a iniciativa privada para negócios e atração de investimentos; destino de ativos em projetos já definidos ou ainda não; e uma agenda de futuro.  

O “Gerenciamento de Projetos no Exército Brasileiro” foi detalhado por Rafael de Abreu Faria, Coronel de Comunicações do Exército Brasileiro, e voluntário do PMIRS na diretoria de Projetos Públicos.

Rafael enfatizou desafios próprios do contexto do Exército; porém, frisou que eles não são impeditivos para a execução dos projetos, devido ao respeito a padrões de gerenciamento de projetos, que partem do PMBOK®, e do uso de uma metodologia própria. Esses desafios estão presentes, por exemplo, por conta de características do sistema de aquisição, que segue uma legislação específica e regras determinadas, quando os insumos precisam ser importados, por exemplo. Ou em casos de contingenciamento de verbas que, em seguida, podem ser liberadas.  

“O que faz a diferença é o gestor saber lidar com incertezas e tomar decisões, junto com sua equipe, para que o projeto não sofra. É gerenciar os diversos cenários. Por isso, ter uma metodologia é muito importante. E nós temos uma metodologia própria. Que nos ajuda a mostrar como temos que fazer para atingir nossos objetivos. A metodologia é muito abrangente e profunda, mas é de fácil entendimento. Mesmo para pessoas que não têm vivência e conhecimentos mais profundos em gerenciamento de projetos”, destacou o Coronel Rafael de Abreu Faria, que compartilhou essa metodologia e suas especificidades durante sua palestra.

O Gerint - Sistema de Internação Hospitalar foi o tema da palestra (disponível para download nesta página) de Paulo Miranda, diretor presidente de Procempa (da Cia de Processamento de Dados do Município de Porto Alegre) e de Clarice Stella Porciuncula. Desde 2014, ela coordena o desenvolvimento do projeto Complexo Regulador, que engloba os sistemas GERCON - Gerenciamento de Consultas, GERINT - Gerenciamento de Internações e GERPAC - Gerenciamento de Procedimentos de Alta Complexidade.

A ideia, a evolução, os desafios e os efeitos práticos deste projeto foram ressaltados pelos palestrantes. Uma das entregas do Gerint foi conectar os sistemas dos hospitais que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a fim de dar agilidade e colocar o paciente onde ele pode e precisa ser atendido.

Entre suas características está o fato de que os hospitais se conectaram a este complexo, sem interferir nos sistemas próprios, e que a atualização que acontece no sistema é integrada. Ou seja, conecta informações sobre leitos, consultas pelo SUS em todos os hospitais que atendem: HPS, o Presidente Vargas, o Conceição e a Santa Casa.

Clarisse enfatizou que, entre os fatores críticos do projeto, e, dessa forma, do seu sucesso, estavam os stakeholders: Secretários de Saúde do Estado e do Município, diretores dos hospitais e os representantes da Procempa. E que o fato de todos abraçarem o projeto, que foi tendo entregas sucessivas a partir de março de 2017, foi fundamental para seu sucesso e para os ajustes e resoluções de problemas. 

Quem fechou a tarde de palestras foi o diretor de Projetos Públicos do PMIRS, Hiparcio Stoffel, que é o Diretor do Escritório de Desenvolvimento de Projetos (EDP) do Rio Grande do Sul, organização parceira desta edição do PMDay.

Hiparcio falou sobre transformação digital guiada pelo gerenciamento de projetos no setor público.  O tema tem sido foco de sua atuação profissional. Além disso, como voluntário integrante do grupo de Projetos Públicos no PMIRS, tem se envolvido com o desenvolvimento dos guias de fundamentos e boas práticas desenvolvidos pelo Capítulo para o setor.

Acesse a apresentação completa feita por ele, que está disponível para download nesta página.

]]>
Gerentes de Projeto do Futuro forma turma Mon, 09 Dec 2019 15:18:36 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/475/?gerentes-de-projeto-do-futuro-forma-turma.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/475/?gerentes-de-projeto-do-futuro-forma-turma.html No último sábado, 07/12, o PMIRS formou uma turma de Gerentes de Projeto do Futuro. Literalmente! Foi quando aconteceu a formatura dos 12 participantes do projeto Gerentes de Projeto do Futuro.

Através de seis encontros, a iniciativa aconteceu por meio da Diretoria de Projetos Sociais em parceria com a instituição WimBelemDon (marcar no post e colocar hiperlink no site), e buscou capacitar jovens em fundamentos de gestão de projetos, mentoring e atividades práticas.

O principal objetivo deste projeto, que recebeu o segundo lugar no prêmio Projeto do Ano do PMIRS, é trabalhar as competências essenciais para o futuro. Através de dinâmicas, em formato de gamificação, foram realizados testes de perfil individuais, criação de personas, além de identificar habilidades e software skills.

]]>
PMIRS realiza Natal Solidário Thu, 05 Dec 2019 11:23:01 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/472/?pmirs-realiza-natal-solidario.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/472/?pmirs-realiza-natal-solidario.html Natal Solidário do PMIRS foi criado com o intuito de promover, para ONGs e públicos em geral, palestras sobre Gerenciamento de Projetos. E tem algo muito especial: a entrega de 1kg de alimento não-perecível para participar. As doações serão destinadas para o Cantinho da Vó Georgina, creche e centro comunitário, localizado no Bairro Glória em Porto Alegre,

O evento acontecerá na noite de 16/12 e será formado pela realização de três palestras, que acontecem entre 19h30 e 22h30, no Espaço Coworking do Global TecnoPuc, Prédio 97B da PUCRS, em Porto Alegre.

As vagas são limitadas, por isso, é necessário se inscrever pelo site.

Farão parte da programação os seguintes conteúdos:

“Empreendedorismo social: os aprendizados de um projeto sem dinheiro”, com Bruna Lost Camacho, Engenheira atuante em projetos de pesquisa e desenvolvimento para a indústria e Empreendedora social para o acesso democrático à educação.

“Esporte: Um projeto para a vida toda! Liderança no esporte e na vida!”, com Luiz Bayard Martins dos Santos, Diretor Técnico da Federação Gaúcha de Judô e responsável pelo Projeto Social da Associação Fênix de Judô.

“Alteridade estratégica: inovação a partir do olhar inclusivo”, com Filipe Roloff, que trabalha há 7 anos da SAP com Gestão de Sucesso de Clientes. Foi eleito duas vezes um dos 50 líderes globais LGBT do futuro pelo Financial Times, Outstanding List, 2017 e 2018 e ganhador do Brazil Excellence Award, 2018, da maior ONG de diversidade do mundo, Out & Equal Advocates.]]>
PMDay será sobre Projetos no Setor Público Wed, 04 Dec 2019 16:19:31 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/471/?pmday-sera-sobre-projetos-no-setor-publico.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/471/?pmday-sera-sobre-projetos-no-setor-publico.html PMDay Setor Público, um evento temático voltado ao compartilhamento e ao debate de boas práticas de gerenciamento de projetos e cases no setor público. Esta edição acontecerá na quarta-feira, 11/12, das 13h30 às 18h, no auditório Mondercil Paulo de Moraes, do Ministério Público Estadual, Rua Aureliano Pinto de Figueiredo, 80, 3º andar, em Porto Alegre.

A programação de palestras é formada por exemplos que mostram a diversidade da aplicação da gestão de projetos no setor. Haverá a apresentação de um case de sucesso no setor de saúde da Companhia de Processamento de Dados de Porto Alegre, a Procempa. Uma palestra sobre o gerenciamento de projetos no Exército Brasileiro, e outra da Prefeita da cidade de Pelotas, Paula Mascarenhas. Além de uma apresentação sobre o Tranforma RS, uma iniciativa recente de diversas organizações da sociedade civil gaúcha.

Saiba detalhes sobre a programação e se inscreva pelo site.

O evento é gratuito!]]>
PMIRS premia seus Destaques em 2019 Tue, 03 Dec 2019 14:01:47 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/470/?pmirs-premia-seus-destaques-em-2019.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/470/?pmirs-premia-seus-destaques-em-2019.html
Além disso, são escolhidos três projetos que ganham a estatueta de “Projeto do Ano”. Em 2019, a categoria teve uma novidade: a premiação foi à votação aberta de todos os filiados. Os votos representaram um dos pesos para a escolha.
E neste ano, outras categorias de premiação foram incluídas, entre elas o Líder Destaque.

Confira a lista dos Destaques de 2019 e acompanhe, ao longo das próximas semanas, detalhes sobre os eleitos como Projetos do Ano.

Os voluntários destaques são:
Vice-Presidência de Relações Institucionais e Marketing: Antônio Carlos Goldoni Pasa
Vice-Presidência de Filiação: Kátia Argemi
Vice-Presidência de Desenvolvimento Profissional: Tiago Hermann
Vice-Presidência de Governança e Finanças: Leonardo Stumpf
Vice-Presidência de Expansão e Branches – Branch Serra: Rodrigo Boeira
Vice-Presidência de Expansão e Branches – Branch Norte: Luciana Rocha
Vice-Presidência de Expansão e Branches – Branch Sul: Priscila Nesello
Vice-Presidência de Voluntariado: Gislaine Fortes

Voluntário Algo+: Tiago Hermann

Instrutor Destaque: Deborah Selistre Osório

Líder Destaque: Mariela Aranda, Cíntia Totti e Michelle Fonseca

Vice-Presidente Destaque: Alex Rosa
Conselheiro Destaque: André Voltolini

Troféu Algo+: Grazieli Binkowski (Assessora de Comunicação do Capítulo)

E os Projetos do Ano foram:
Em 1º lugar: Universidade PM, da Vice-Presidência de Filiação.
Em 2º lugar: Gerentes de Projeto do Futuro, da Vice-Presidência de Voluntariado.
Em 3º lugar: Ciclo PDCA Melhoria Contínua do Branch Serra Gaúcha, da Vice-Presidência de Expansão e Branches.]]>
PMIRS realizou mais um Encontro de Branches Mon, 02 Dec 2019 14:48:15 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/469/?pmirs-realizou-mais-um-encontro-de-branches.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/469/?pmirs-realizou-mais-um-encontro-de-branches.html Habilidades humanas no gerenciamento de projetos é tema de palestra Fri, 29 Nov 2019 13:05:08 -0300 https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/468/?habilidades-humanas-no-gerenciamento-de-projetos-e-tema-de-palestra.html https://pmirs.org.br/noticia/visualizar/id/468/?habilidades-humanas-no-gerenciamento-de-projetos-e-tema-de-palestra.html Criatividade, pensamento crítico e capacidade de negociação são habilidades cada vez mais importantes para quem atua em gerenciamento de projetos. Esse foi o tema da palestra Soft Skills: Você Ainda Vai Precisar Disso, na tarde desta quinta-feira (28), durante a 11ª edição do projeto Ampliando Horizontes.

Marco Antônio Kappel Ribeiro, que conduziu o encontro, é vice-presidente de Marketing e Relações Institucionais do capítulo gaúcho do Project Management Institute (PMIRS) e professor da disciplina de Soft Skills no curso de pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em Negócios Digitais, em parceria com a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Kappel abordou alguns dos impactos da transformação digital na atualidade. “A tecnologia hoje está mais avançada do que o ser humano consegue se adaptar”, resumiu.

A uma plateia de servidores do Estado, Kappel apresentou dados de diversos estudos e relatórios que abordam a importância das habilidades comportamentais, sociais e emocionais no universo do trabalho de maneira geral.

O Ampliando Horizontes é um projeto liderado pelo Escritório de Desenvolvimento de Projetos (EDP), que promove atividades mensais em temas variados.

ENTREVISTA

Qual é a importância das habilidades humanas para a disciplina de gerenciamento de projetos?

Kappel – No gerenciamento de projetos, sempre fomos muito acostumados a ter conhecimento, destreza, expertise em aspectos muito técnicos: plano de riscos, orçamento, cronograma etc. Mas o fator humano é muito pesado para qualquer pessoa que trabalhe com projetos. Soft skills como comunicação, liderança, flexibilidade e adaptabilidade passam a ser diferenciais importantes não só para nos mantermos dentro de uma organização, mas para obter resultados.

Na palestra, falaste sobre o cenário atual de profunda transformação digital. O que isso traz de importância para as soft skills?

Kappel – Hoje a maior parte das atividades manuais ou que não requerem uso de percepções, cognição e raciocínio estão sendo cada vez mais assumidas pela máquina. Com isso, as pessoas têm um tempo muito maior para se dedicar a essas questões comportamentais, que sempre soubemos que eram importantes, mas que agora são cada vez mais. Temos que tirar proveito da tecnologia, usando o tempo para desenvolver o que é mais humano.

Quais são as três principais habilidades humanas na tua opinião?

Kappel – A humildade para saber que a gente tem que conhecer novas coisas constantemente, ou seja, aprender a aprender; a destreza organizacional; e o conforto com a ambiguidade, que é a flexibilidade de assumir novos papéis, de saber que, com esforço, a gente consegue mudar de ação. E a habilidade de comunicação permeia tudo isso. Comunicação é um dos maiores desafios hoje em dia.

]]>